Parlamento dos Jovens - Secundário


Edição 2019/2020

Escola

ES Jerónimo Emiliano de Andrade

Exposição de motivos

Violência doméstica e no namoro, ou seja, um ato brusco físico ou verbal de um dos parceiros da relação com o objetivo de controlar, dominar e ter mais poder sobre a outra pessoa envolvida, tem vindo a público, quase diariamente. Já muito tem sido feito, desde campanhas e até mesmo centros de apoio à vítima, mas continuam a acontecer muitos casos de violência quer doméstica, quer no namoro. Algo tem de ser feito. Nós, adolescentes, não conseguimos aceitar nem tolerar que pessoas como nós estejam a sofrer todos os dias e que ficarão provavelmente, marcadas para sempre, tendo dificuldade em aceitar futuros relacionamentos por não acreditarem na possibilidade de existir um relacionamento saudável. Por todas estas razões e, tendo em conta o tema deste ano do Parlamento dos Jovens, decidimos tentar contribuir para o bem da sociedade e para o futuro.

Medida proposta 1.:

1. Implementação em todas as escolas de uma estrutura que ajude os adolescentes e jovens que sofrem de violência.

Medida proposta 2.:

2. Introdução na lei de penalizações mais duras para aqueles que cometem este crime, não passando a ideia de impunidade.

Medida proposta 3.:

3. Dotar as autoridades de meios para que possam agir e proteger as vítimas de forma eficaz.