Parlamento dos Jovens - Secundário


Edição 2018 (2018/2019)

Escola

Escola Secundária Alcaides de Faria, Barcelos

Exposição de motivos

Atendendo ao tema proposto para debate, Alterações Climáticas – reverter o aquecimento global, considerando que a escola tem um papel determinante na educação dos jovens para esta problemática que a todo(a)s afeta e partindo do princípio que a sensibilização tem sido desenvolvida e enquadrada nos programas letivos, parece-nos significativo que se passe a uma outra fase de ação com propostas concretas de intervenção e de exigência. Nesse sentido as medidas apontadas têm como objeto a prática de intervenções, exequíveis e eficazes, que sequenciem os objetivos teóricos e de sensibilização proporcionados pela escola. Estas medidas, por nós selecionadas, têm como principal preocupação mudar hábitos, renovar processos e alterar comportamentos. Percebendo a necessidade, cada vez mais evidente, da mobilidade dos nossos dias e sem retirar eficácia aos meios de transporte, pensamos ser obrigatório a reconversão da frota em nome da descarbonização. Por outro lado, crendo que um dos grandes responsáveis pelas alterações climáticas é a desmesurada e gananciosa desflorestação, impõe-se educar para agir em defesa deste bem comum do planeta que são as florestas nunca perdendo de atenção a ligação ao meio natural das espécies e a preservação dos ecossistemas. Acreditando e fazendo crer que o futuro do planeta e consequentemente da humanidade, está intimamente relacionado com a capacidade de saber aproveitar os resíduos, é preciso criar condições práticas e pedagógicas que ensinem a devida utilização de técnicas de reciclagem e de reutilização dos lixos. Começando pelo local, urge concretizar uma imposição coletiva que é, precisamente, a de reverter a trágica realidade do aquecimento global. Agir local pensando global Para além do debate aquando da Sessão Escolar, durante o período de campanha eleitoral, decorreu um debate aberto a todos os alunos do Ensino Secundário em que participaram cerca de 60. Não foi realizada qualquer sessão com a presença de deputados. para além dos alunos eleitos para a Sessão Distrital, conforme consta do preenchimento deste formulário, também foi eleita, por unanimidade dos deputados, a aluna Maria Alexandra Faria Dias, como candidata para a composição da Mesa da Sessão Distrital O tema sugerido para ser desenvolvido no próximo ano letivo é: Inclusão e integração da diversidade cultural

Medida proposta 1.:

1. Melhorar e sustentar a mobilidade - Investir em modos de transporte coletivos e sustentáveis através do incremento de meios movidos a energias alternativas. A escola terá de cultivar esta exigência como um ato de cidadania, funcionando como pressão junto dos poderes governamentais, tanto a nível nacional como local.

Medida proposta 2.:

2. Educar para agir pela floresta - instruir para a necessidade de reflorestar com espécies autóctones através de intervenções práticas das escolas em conjugação com medidas a adotar pelo poder autárquico (município e freguesias)

Medida proposta 3.:

3. Recolher para reciclar - Alertar para a urgente necessidade de colocação de pontos de recolha diferenciada de resíduos nas escolas, bem como a criação de centros de compostagem dinamizados pelos alunos.