Parlamento dos Jovens - Secundário


Edição 2018 (2018/2019)

Escola

Escola Secundária Dr.ª Laura Ayres, Quarteira, Loulé

Exposição de motivos

Argumento 1: Só coletivamente resolvemos o problema das alterações climáticas, isto significa a adoção de políticas ambientais com impactos sociais pregnantes, quer em termos internacionais e nacionais, quer em termos locais, incluindo a sociedade civil impeditivas de projetos de exploração de energias não renováveis (petróleo, gás e carvão), sejam elas convencionais ou não. Argumento 2: Uma revolução nos transportes públicos e respetiva transição energética que permitirá “descarbonizar” a economia, diminuindo efetivamente o envio de gases poluentes para a atmosfera terrestre, através de um investimento nos transportes de energia sustentáveis públicos para todos, bicicletas e respetivas ciclovias; através de um investimento em carros, barcos e aviões não poluentes. Argumento 3: Agricultura diversificada e adaptada às condições locais e ao clima, florestas voltadas para a conservação da biodiversidade e devidamente ordenadas no combate aos incêndios, através de plantas autóctones resistentes ao flagelo das temperaturas elevadas, criando barreiras florestais para travar a desertificação, protegendo as populações mais vulneráveis. Por outro lado, uma revolução alimentar sustentada na diminuição do consumo de carnes e respetivo amortecimento de gases poluentes enviados para a atmosfera.

Medida proposta 1.:

Mitigação e adaptação às alterações climáticas, através de políticas internacionais, nacionais, locais, incluindo a sociedade civil e respetivas estratégias tecnológicas.

Medida proposta 2.:

Alargar e adaptar a rede de transportes alternativos públicos para todos e a todo o território, investindo numa mobilidade integrada de transportes de energia sustentáveis, bicicletas e ciclovias, fomentando a neutralidade carbónica.

Medida proposta 3.:

Design de permacultura e uma ecologia sustentável em jardins, aldeias, vilas e cidades, incluindo os telhados verdes, com implicações numa revolução alimentar.