Parlamento dos Jovens - Secundário


Edição 2018 (2018/2019)

Escola

EB 1,2,3/S Mouzinho da Silveira

Exposição de motivos

As alterações climáticas são uma das maiores ameaças ambientais, sociais e económicas que o planeta e a humanidade estão a enfrentar. Para a Humanidade, é o maior desafio global com que se depara no século XXI. É necessário tomar medidas que permitam definir políticas globais capazes de minimizar os efeitos das alterações climáticas. É essencial encarar seriamente os desafios ambientais e as oportunidades que advêm deste fenómeno. É importante que tomemos consciência que os nossos atos contribuem para o cenário em que vivemos atualmente e, se nada fizermos não vamos conseguir impedir o reverter de décadas de desenvolvimento, com resultados graves no território. No século passado, a temperatura desceu 0,79ºC mas prevê-se que no presente século suba entre 1,1 a 6,4ºC. Estamos convencidas que as nossas medidas podem ser fulcrais para reverter as alterações climáticas, porque estas mudanças vão definir o nosso futuro e o das próximas gerações.

Medida proposta 1.:

O aumento da poluição atmosférica e sonoro, decorrem, em grande escala, do aumento da circulação dos transportes rodoviários, motorizados, que emitem para a atmosfera grandes quantidades de fumos e gases, que se refletem diretamente, por exemplo, na saúde humana, no agravamento das consequências de catástrofes naturais e na perda de biodiversidade. Assim, propomos na limitação do número de veículos a entrar nas áreas mais congestionadas, através da aplicação de taxas.

Medida proposta 2.:

Sabendo que as emissões de CO2 aumentaram 7,3 % em 2018 e que uma das principais causas deste aumento significativo se deve à emissão gases por parte dos automóveis a combustão, propomos a criação de incentivos para a aquisição de carros elétricos para população do Corvo.

Medida proposta 3.:

Num cenário de alterações climáticas e aumento das consequências negativas que delas advém, surge a necessidade de estudar os seus impactos económicas, sociais e ambientais, por isso propomos a sensibilização da população dos Açores para as consequências das alterações climáticas nomeadamente a seca e o uso sustentável da água.