Parlamento dos Jovens - Básico


Edição 2018 (2018/2019)

Escola

Escola Básica Fernando Pessoa, Santa Maria da Feira

Exposição de motivos

A poluição é uma problemática cujo aparecimento causa, nos dias de hoje, discussões acerca das formas como se manifesta e das melhores práticas para atenuarmos ou minimizarmos os seus efeitos. Para entendermos melhor a poluição, recuemos ao início do mundo… Aquando do surgimento do Planeta, a vida não era possível, devido ao elevado índice de radiação ultra-violeta, às concentrações brutais de CO2 e, principalmente, devido à prematura e pouco desenvolvida camada de ozono. Milhões de anos depois, a Terra entrou num período de estabilidade, reunindo todas as condições para o aparecimento da fauna e da flora. Foi isso que aconteceu - os seres primitivos começaram a povoar toda a superfície e o nosso planeta começou a ganhar biodiversidade e prosperidade. Avançando mais alguns milhões de anos, apareceu o “poderoso” Ser Humano. No início, o Homem vivia em perfeita sintonia e harmonia com a Natureza, mas, em especial desde a revolução industrial, com o desenvolvimento tecnológico e com a era do consumo desenfreado que se seguiu, a capacidade de regeneração e reposição do planeta começou a dar sinais preocupantes, com reflexos na intensidade e frequência cada vez maior de cataclismos e mudanças climáticas nunca antes observadas. Nos dias de hoje, o Homem não se importa de prejudicar a Natureza só para ganhar dinheiro e comodidade. Perdeu-se a sensibilidade. Começou-se a poluir sem escrúpulos, passando até por ser um acto natural e frequente, pois apesar de cada um de nós individualmente ter plena consciência do perigo para que contribui diariamente com o seu consumismo e comodidade, colectivamente, certamente por motivos económicos de curto prazo, ainda não conseguimos chegar a um consenso à escala global sobre o modelo de desenvolvimento sustentável a seguir. Temos que fazer algo, pelo menos no nosso país. O foco de poluição está a aumentar de dia para dia. Não podemos deixar esta herança para as próximas gerações. Propomos estas medidas para contribuir para protegermos os oceanos.

Medida proposta 1.:

Equipar os barcos com equipamento de emergência imediata (material de filtragem) para poder filtrar o petróleo derramado pelos barcos e salvar a fauna e flora marinha.

Medida proposta 2.:

Colocação de redes de filtragem nas condutas de àguas pluviais e nos escoamentos de esgotos industriais, permitindo dessa forma que os resíduos sólidos, nmeadamente plásticos, sejam retidos e depois recolhidos semanalmente para serem reciclados.

Medida proposta 3.:

Colocar as pessoas que se encontram no desemprego a realizar limpezas de praias, atribuindo uma bonificação ao subsídio de desemprego que estas auferem.